Esconderijo

Tráfico no Aviso: Mulher detida pela PM escondia droga nas partes íntimas

Ela e um jovem foram conduzidos à delegacia na manhã dessa sexta (29).

29/11/2019 17h37Atualizado há 1 semana
Por: Redação

Parte da droga que aparece na foto em destaque estava escondida nas partes íntimas de uma mulher de 31 anos, conduzida do bairro Aviso para a 16ª Delegacia Regional, em uma ação da Polícia Militar que começou quando um Soldado a paisano viu uma cena inusitada do mundo do crime. A ocorrência foi registrada na manhã dessa sexta (29).

De acordo com dados do Boletim Unificado, pouco antes do meio-dia, o Soldado trafegava em seu veículo particular pela Avenida Guaçuí, quando viu uma senhora retirando uma sacola da região genital e em seguida entregando o material para um indivíduo que pagou pelo material que lhe foi entregue.

Como o local é bastante conhecido por conta de ocorrências voltadas para o tráfico de drogas, o Soldado entrou em contato com colegas de trabalho e estes foram ao local com uma viatura. E com as características físicas e dados sobre as vestes de quem vendeu e quem comprou o material, a ocorrência ganhou desfecho na Avenida Cachoeiro de Itapemirim.

A pessoa que comprou o material da mulher foi identificada como Walison Muniz Anchieta, 21 anos, e ele foi localizado próximo a Avenida Filogônio Peixoto, a principal do Aviso. Com ele foi encontrado uma pedra de crack de aproximadamente 5g e outras três pedras da mesma droga, além de uma bucha de maconha.

No relatório policial consta que o rapaz pagou à mulher a quantia de R$ 150,00 e que a intenção seria fracionar a droga para revender. O jovem disse, ainda segundo o Boletim Unificado, que precisava comprar fraldas para o filho.

De volta ao local onde a mulher foi vista retirando o material das partes íntimas, esta foi abordada e identificada como Edgleide Almeida Pereira, de 31 anos, e o relatório policial cita que ela é conhecida da guarnição por suposto envolvimento com tráfico de drogas.

A mulher negou ter drogas com ela, e ao ser informada de que uma policial seria chamada para a revista pessoal, ela disse, conforme o relatório policial, que havia introduzido droga em sua parte íntima e sem que a guarnição olhasse, retirou quatro pedras de crack embaladas para a venda e que estavam em uma sacola.

Na casa da mulher, diz o relatório que foi encontrado escondido no interior de um fogão aproximadamente mais 20g de crack distribuídos em três pedras. O caso segue junto à Polícia Civil. As defesas dos citados têm espaço aberto caso queiram se manifestar: 27 99808-4347.

3comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM
Ele1 - Criar site de notícias